SERIGRAFIA E SIGN 2017

domingo, 4 de dezembro de 2011

CAMISETA: DO BÁSICO AO CRIATIVO


Por: Paula Cabral
Materia da Revista Silk-Screen / Edição do Mês de setembro/2011 - nº 316

Descubra as técnicas e os materiais necessários para obter as melhores estampas de acordo com cada trabalho
Estampa, bordado, transfer, strass, lantejoula, flocagem. Você precisa de qual dessas técnicas para personalizar suas camisetas e expandir seu negócio? Nessa matéria especial que a revista SILK-SCREEN preparou, você encontra informações, dicas e equipamentos fundamentais para dar novos passos e atingir públicos diferenciados. Confira!
Serigrafia
A impressão serigráfica é utilizada em peso por pequenas, médias e grandes estamparias. Atualmente, ela é a responsável por grande parte da estampagem em camisetas comercializadas.
Para o processo serigráfico, são necessários alguns equipamentos e materiais, cujas características variam de acordo com o trabalho realizado, a tiragem, entre outros fatores. Veja abaixo informações para criar suas matrizes, escolher tintas e equipamentos e conferir efeitos.

- Matrizes

O número de matrizes varia de acordo com o trabalho e o número de cores necessárias para reproduzir uma determinada imagem. As matrizes para cada estampa devem ser confeccionadas levando em conta diversas etapas de produção. Entre elas, estão a escolha do quadro, da malha (que varia de acordo com o tipo de tinta e do efeito que se pretende obter) e da emulsão (que varia de acordo com o tipo de malha).

- Tintas

As tintas podem ser à base d’água, à base de solvente, plastisol ou UV. Cada um desses tipos exige uma forma de manipulação (aplicação, secagem) e permite obter efeitos diferenciados, que podem ser utilizados numa mesma estampa.
Entre os efeitos possíveis estão: espinhudo, caleidoscópio, puff, textura de lixa, corrosão, devorê, bordado, costura, bolha frogger, marca d’água, alto relevo, craquelê, esponja, falsa corrosão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seu comentário, participe com suas sugestões!